terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Últimos capítulos da novela


OLá queridos!
Sim, em janeiro de 2011 iniciam-se os últimos capítulos da novela que vem se arrastando pelos dois anos desse blog: o fim do meu casamento.
O processo de divórcio por abandono começou e espero que logo termine.
O que vem à mente é o desejo de nunca mais sofrer a agressão física, sexual, verbal e moral que sofri nos últimos três anos. Sim, sofri mesmo estando aqui, pelo preconceito de outras pessoas, calúnias, desconfianças, atitudes daqueles que, ao saberem de meu estado mental me tacharam de mentirosa e me trataram como a parte errada da história.
Estou cansada de acusações.
Entrego tudo a Deus que vê tudo e é o único justo nessa história toda.
Ele viu o que aconteceu, e isso me basta.
Agora, agradeço de todo coração a todos os que tem me acompanhado nessa jornada.
Por problemas de perda de dados no computador, não poderei continuar a transcrever os diários dos últimos anos aqui no blog, mas atualizarei constantemente, pois minha vida começa de novo, numa nova novela, a de recomeços...
na metade da faculdade de teologia, agora iniciando o projeto de minha monografia,
numa nova casa, independente, mas sem aluguel, nos fundos da casa de meus pais (sem o risco de sofrer com as crises de meu pai),
na esperança de iniciar uma turma da Escola Ministerial aos sábados com a Igreja, em que me foi dado permissão para ministrar as aulas,
com a autorização do médico para renovar minha carteira de motorista e voltar a trabalhar,
em processo de divórcio e livre do risco de vida e abandono,
conhecendo melhor quem são meus verdadeiros amigos, pois a maioria desapareceu no tempo em que mais precisei.
SIm, estamos nos últimos capítulos dessa novela.
Mas o fim será o início de algo melhor... espero eu.
Abraços.

3 comentários:

Anônimo disse...

Há malas q vem de trem, né? Acho que é o caso da perda de dados, afinal casou bem com essa época de tudo novo. O que não nos mata, nos deixa mais fortes, tenho certeza que vocÊ se tornou uma pessoa muito melhor por dentro e por fora. Decepção não mata, ensina a viver! Conte sempre comigo, amiga! BJks
Lùcia

vanusaD disse...

Lendo seu post hj, fiquei triste! Mas sei que Deus é contigo e no fim tudo vai dar certo pq é Ele que segura na suas maos e te guia.

bjinho!

Drª. Kle Sants disse...

Feliz vida nova, Angela! Feliz recomeço! O velho faleceu, o novo já veio! Não olhes para trás. O que passou, passou. O futuro a Deus pertence. Portanto, viva o tempo presente!
Pode contar sempre comigo, maninha!
Grande abraço e bjjins.
Cle

Últimos capítulos da novela


OLá queridos!
Sim, em janeiro de 2011 iniciam-se os últimos capítulos da novela que vem se arrastando pelos dois anos desse blog: o fim do meu casamento.
O processo de divórcio por abandono começou e espero que logo termine.
O que vem à mente é o desejo de nunca mais sofrer a agressão física, sexual, verbal e moral que sofri nos últimos três anos. Sim, sofri mesmo estando aqui, pelo preconceito de outras pessoas, calúnias, desconfianças, atitudes daqueles que, ao saberem de meu estado mental me tacharam de mentirosa e me trataram como a parte errada da história.
Estou cansada de acusações.
Entrego tudo a Deus que vê tudo e é o único justo nessa história toda.
Ele viu o que aconteceu, e isso me basta.
Agora, agradeço de todo coração a todos os que tem me acompanhado nessa jornada.
Por problemas de perda de dados no computador, não poderei continuar a transcrever os diários dos últimos anos aqui no blog, mas atualizarei constantemente, pois minha vida começa de novo, numa nova novela, a de recomeços...
na metade da faculdade de teologia, agora iniciando o projeto de minha monografia,
numa nova casa, independente, mas sem aluguel, nos fundos da casa de meus pais (sem o risco de sofrer com as crises de meu pai),
na esperança de iniciar uma turma da Escola Ministerial aos sábados com a Igreja, em que me foi dado permissão para ministrar as aulas,
com a autorização do médico para renovar minha carteira de motorista e voltar a trabalhar,
em processo de divórcio e livre do risco de vida e abandono,
conhecendo melhor quem são meus verdadeiros amigos, pois a maioria desapareceu no tempo em que mais precisei.
SIm, estamos nos últimos capítulos dessa novela.
Mas o fim será o início de algo melhor... espero eu.
Abraços.