sexta-feira, 4 de junho de 2010

Nunca sozinha, apesar de tudo

04/10/05

Hoje, após um bom tempo de leitura da Palavra de Deus, senti de ir até a R., ex aluna do CLM, para me despedir (porque ela pretende ir embora hoje) e levar um presente (já que o aniversário dela á amanhã).

Que idéia de Deus, mesmo. Conversamos MUITO. Ela compartilhou das bênçãos que tem recebido através das palavras que envio pelo orkut e de como está passando pelas mesmas emoções que eu. Acho que ela nem percebeu, muito menos faz idéia do quanto Deus a usou para ministrar sobre a minha vida em diversas áreas: casamento, ministério, fé, confiança e renúncia. Foi demais!

Além de tudo isso, ela disse que sentiu minhas dificuldades com relação ao caso do A., que voltou do ASS, perguntou se eu estava aqui e nem apareceu para dar satisfações. Foi um verdadeiro golpe o que esse rapaz me passou.

Mas aí choramos, oramos e nos abraçamos, numa despedida inesquecível, com muita unção e presença de Deus naquela simplicidade de lugar. Me senti amada, consolada, compreendida – e isso não tem preço!

Quando entrei na Internet, na hora do almoço, lá estava uma mensagem do F.:

OI A.!!!

MINHA ADMIRADA AMIGA,

VOCÊ NÃO ME ABORRECE!!!

Só que fico um pouco incomodado em não poder digerir toda a muito agradável onda de informações e idéias. Então como fico sem tempo me preocupo pensando em que não consigo responder.

ABRAçÃo!!!

E mais algumas mensagens. Consegui enviar notícias pra L., pro A., pro F. e pra F. (que encaminha tudo pra D.).

Um comentário:

Adonainews disse...

Parabéns pelo trabalho no blog. Já estou seguindo.

Aproveito para lhe convidar a conhecer o meu blog, e se desejar segui-lo, será uma honra.

Seus comentários também serão muito bem-vindos.

www.adonainews.com.br

Vicente Lino da Natividade Apelidado: NEL

Nunca sozinha, apesar de tudo

04/10/05

Hoje, após um bom tempo de leitura da Palavra de Deus, senti de ir até a R., ex aluna do CLM, para me despedir (porque ela pretende ir embora hoje) e levar um presente (já que o aniversário dela á amanhã).

Que idéia de Deus, mesmo. Conversamos MUITO. Ela compartilhou das bênçãos que tem recebido através das palavras que envio pelo orkut e de como está passando pelas mesmas emoções que eu. Acho que ela nem percebeu, muito menos faz idéia do quanto Deus a usou para ministrar sobre a minha vida em diversas áreas: casamento, ministério, fé, confiança e renúncia. Foi demais!

Além de tudo isso, ela disse que sentiu minhas dificuldades com relação ao caso do A., que voltou do ASS, perguntou se eu estava aqui e nem apareceu para dar satisfações. Foi um verdadeiro golpe o que esse rapaz me passou.

Mas aí choramos, oramos e nos abraçamos, numa despedida inesquecível, com muita unção e presença de Deus naquela simplicidade de lugar. Me senti amada, consolada, compreendida – e isso não tem preço!

Quando entrei na Internet, na hora do almoço, lá estava uma mensagem do F.:

OI A.!!!

MINHA ADMIRADA AMIGA,

VOCÊ NÃO ME ABORRECE!!!

Só que fico um pouco incomodado em não poder digerir toda a muito agradável onda de informações e idéias. Então como fico sem tempo me preocupo pensando em que não consigo responder.

ABRAçÃo!!!

E mais algumas mensagens. Consegui enviar notícias pra L., pro A., pro F. e pra F. (que encaminha tudo pra D.).