quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Bendito Carbonato de Lítio

Bem, desde sexta à noite o médico acrescentou o carbonato de lítio na minha dieta medicamentosa. Agora tomo de 6 a 8 comprimidos diários antes de dormir, só para o transtorno bipolar.

O problema foram as reações. Meu fígado está sendo atingido impiedosamente, e os enjôos e tonturas se acentuaram a ponto da mãe ficar me olhando torto desconfiada de gravidez (não vejo meu marido há quase 2 meses).

Mas o bom de tudo isso é que parei de chorar incontrolavelmente, sem esperança na vida. De repente, algumas coisas foram parar em seu devido lugar na minha cabeça. Fui no Shopping com a mãe, comprei umas lingeries, fiquei planejando, esperando, pensando em possibilidades caso meu marido decida ficar comigo.

Independente da decisão de meu marido, não chorei mais por causa dele, estou voltando a me animar para escrever, ler, produzir. Estou me maquiando, me arrumando para sair, e tentando novamente viver.

Bendito carbonato de lítio, benditos amigos, bendita família que me aguenta.
Deus é bom.
O diabo é ruim.
E eu estou melhorando.

2 comentários:

Lúcia disse...

"... e eu estou melhorando"
huahuahuahuahua
pensei q vc já estava tomando lítio!
Q bom q estás melhor! No fim, vai dar tudo certo, vc vai ver! Bjins

Elaine disse...

Olá!
Deus é maravilhoso.
O diabo é péssimo.
E eu vou orar por você e pelo seu marido.
E você vai melhorar, ainda mais.
Que Deus te abençoe.

Bendito Carbonato de Lítio

Bem, desde sexta à noite o médico acrescentou o carbonato de lítio na minha dieta medicamentosa. Agora tomo de 6 a 8 comprimidos diários antes de dormir, só para o transtorno bipolar.

O problema foram as reações. Meu fígado está sendo atingido impiedosamente, e os enjôos e tonturas se acentuaram a ponto da mãe ficar me olhando torto desconfiada de gravidez (não vejo meu marido há quase 2 meses).

Mas o bom de tudo isso é que parei de chorar incontrolavelmente, sem esperança na vida. De repente, algumas coisas foram parar em seu devido lugar na minha cabeça. Fui no Shopping com a mãe, comprei umas lingeries, fiquei planejando, esperando, pensando em possibilidades caso meu marido decida ficar comigo.

Independente da decisão de meu marido, não chorei mais por causa dele, estou voltando a me animar para escrever, ler, produzir. Estou me maquiando, me arrumando para sair, e tentando novamente viver.

Bendito carbonato de lítio, benditos amigos, bendita família que me aguenta.
Deus é bom.
O diabo é ruim.
E eu estou melhorando.